Infiltração intra-articular

Infiltração intra-articular: conheça o tratamento

Dentro do segmento da reumatologia, a infiltração intra-articular corresponde a um tratamento  bastante eficiente para reduzir inflamação articular ou tendões e bursas. Esse método, utilizado desde meados do século passado, consiste em intervenções em que são injetados medicamentos aptos para tratar inflamações, que reduzem e até eliminam a sensação de desconforto. O principio médico deste tratamento consiste em aplicar todo o medicamento no local da inflamação, por exemplo as articulações.

Os medicamentos, nesse caso, são injetados no espaço intra-articular, mas quando há tendinites, tenossinovites ou bursites são também aplicados próximos aos tendões e bursas. As infiltrações também podem ser aplicadas em pessoas idosas para as quais o uso de anti-inflamatorios está associado a muitos efeitos colaterais.

Os medicamentos utilizados

Os corticosteroides são as substâncias mais usadas desde que esse tipo de intervenção . Os cortiscosteroides são medicamentos que contam com uma elevada capacidade anti-inflamatória. Entre os corticoides utilizados para aplicação intra-articular está a triancinolona. Os corticosteroides de depósito também são muito utilizados principalmente para aplicação próximas a tendões e bursas.

Tais substâncias agem na articulação ou local inflamado provocando a redução da concentração de células inflamatórias da membrana sinovial atingida e de seus produtos que resultam em lesão.

Vale lembrar que o líquido sinovial está presente no organismo humano e tem como objetivo atuar como um lubrificante das articulações, possibilitando dessa maneira o movimento indolor das mesmas. Assim, uma outra modalidade de infiltração intra-articular muito utilizada é a viscossuplentação. Através desta técnica especial de infiltração é feita a reposição de ácido hialurônico – um componente do liquido sinovial – promovendo o controle da dor na osteoartrite de joelhos e quadril.

Como é efetuada a infiltração intra-articular?

Em muitos casos a infiltração nas articulações pode ser feita às cegas, ou seja, o procedimento não necessita do uso de aparelhos capazes de guiar o médico para encontrar o espaço intra-articular. Além disso, a maioria das articulações pode ser submetida a esse tipo de tratamento. Porém é válido salientar que artrites crônicas em articulações como o quadril e o ombro, por exemplo, devem ser abordadas de preferência com a ajuda de aparelhos de imagem.

De uma maneira geral, o procedimento de uma infiltração dura no máximo de um a dois minutos.

Os aparelhos que geralmente ajudam o reumatologista a efetuar as infiltrações de caráter mais profundo são a radioscopia e a ultrassonografia. Tais métodos permitem atingir as articulações inflamadas de difícil acesso, propiciando a melhora da inflamação local. Graças a isso, é possível prevenir ou reduzir o dano articular. Em muitos casos é possível dispensar a intervenção cirúrgica.

É o reumatologista é o especialista que possui conhecimento técnico e teórico para aplicar esse tipo de tratamento. Sendo assim, ele é o mais adequado para sanar qualquer dúvida que os pacientes possam apresentar.

Portanto, para sanar dores nas articulações como joelhos, ombros, tornozelo, entre outras, a infiltração intra-articular uma alternativa válida é procurar um reumatologista.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como reumatologista em Manaus.

Comentários
Avatar

Posted by Dr. Antonio Luiz Boechat

1 comment

Boa noite! Operei o menisco há uma semana, hoje fiz a revisão e graças a Deus está tudo bem mas, o ortopedista solicitou
RenehaVis, é normal?

Robson da Silva Barros

Deixe uma resposta